Tuesday, July 28, 2009

Nunca Manipular Os Outros CAP. VII - FACA A COISA CERTA

Nunca Manipular Os Outros
CAP. VII - FACA A COISA CERTA
O segundo fundamento pedra que DEUS colocou em nossas vidas veio em forma clara atraves de suas instrucoes: " Nao manipule."
Quando eu era um ministro viajante, tinha uma lista de pessoas que ofertavam para o meu ministerio uma vez ou outra. Eu, periodicamente enviava cartas aos mesmos, fazendo-lhes saber o que se passava no meu ministerio e alertandos-lhe das nossas necessidades.
Deixe-me dizer-lhe ja', que nao existe nada de errado com isso.
E' apropriado para ministerios manter uma lista de doadores (ofertantes) e usa'-la para que saibam das suas necessidades.
Mas descosbri que comecei a ver essa lista como minha procura.
Tinhamos um homem de Houston, Texas, nessa lista, que sempre que recebia uma carta nos enviava $300.
Quando DEUS comecou a negociar comigo sobre a atitude do meu coracao sobre essa lista, eu lembro pensar, " Mas DEUS, se eu nao enviar correio a esta lista, talvez pessoas tal como esse homem de Houston, nao enviem mais dinheiro."
E DEUS respondeu " Se EU quizer que ele oferte, eu falarei com ele."
Em obediencia, parei de enviar as necessidades a essa lista que eu procurava ser minha procura de provisao.
E sem duvida, o homem de Houston deixou de enviar os $300 em oferta.
Eu recordo dizer ao SENHOR, " SENHOR eu pensei que voce disse que se voce quer que ele oferte, voce falaria com ele."
E DEUS respondia: " Bem, obviamente EU nao estou falando com ele ou estou?"
Atraves disso DEUS comecou a mostrar-me algumas coisas, como onde eu estava a colocar a minha confianca e minha expectativa de provisao.
ELE corrigiu meu foco fazendo-me ver quem era minha procura.
Obviamente, fazer a coisa correcta significa caminhar na integridade - nao esconder agendas e nao esconder motivos.
Mais uma vez, nao existe nenhum mal ou falta de e'tica, um ministerio manter uma lista de pessoas que ofertam ao mesmo.
O que e' errado e' comecar a ver essas pessoas como o seu recurso de provisao antes de DEUS.
Quando voce cai nessa armadilha, e' facil vir a manipular em ordem a receber pessoas para ofertarem.
No meu caso, eu devagar deixei de olhar a DEUS para nossas necessidades e comecei a olhar para as pessoas.
Se voce esta' num ministerio vocational como pastor, missionario ou envagelista ou noutro tipo de ministerio do qual seu suporte vem de ofertas e doacoes, esta e' uma area onde voce sempre tem que estar de guarda.
Mas e' uma verdadeira armadilha que qualquer um pode cair.
Quem e' voce, vendo a sua propria procura? A quem voce procura para provisao? Voce alguma vez da' sugestoes quando esta' perto de pessoas que estao em posicao de o ajudar-lhe?
Irei elaborar sobre no proximo capitulo, mas vou lhe dizendo ja' que pessoas que operam no presente de ofertar teem a abilidade de aperceberem-se de manipulacoes nos outros muito rapido.
E DEUS nao os deixara' recompensar manipulacoes.
Ficar cego, e' manipulacao em forma de feiticaria.
Sobrecai sobre a nossa capacidade de falar e de convencer antes da capacidade de DEUS em falar e convencer.
DEUS pode dar provisao a voce sem a ajuda manipulativa!
Por exemplo, numa reuniao de ancioes recentes na igreja onde eu sou pastor, todos no's sentimos em enviar um presente financeiro a uma igreja em particular para seus fundos.
Esta igreja nao e' uma igreja que tinhamos alguma ligacao, uma relacao proxima, em facto, nunca conhecemos nem o lider da mesma.
A unica coisa que sabiamos era que o Espirito Santo estava falando-nos para que ajudassemos eles.
Provavelmente eles estariam a orar por provisao, e DEUS encontrou algumas orelhas dispostas em nossos ancioes.
DEUS pode e consegue atender todas as nossas necessidades, mas ELE nao o fara' se nos deleitar-mos em manipulacoes.
Tal como tudo o que temos discutido neste livro, ate agora, e' tudo problema do coracao.
Eu saio da minha maneira de ser mesmo para evitar a aparencia da manipulacao. Por exemplo, a bem dizer em 20 anos ensinando e pregando sobre ofertar, eu nunca recebi uma oferta para nosso ministerio depois de ensinar sobre ofertar. Em vez disso, eu sempre encoragei os ouvintes a dar primeiro 'a sua igreja local e materiais necessarios para o corpo da igreja e outros ministerios.
Eu não terei um ministro de viagem em meu púlpito que está disposto a receber contribuições para si depois que prega em ofertar.
Tristemente, existem inumeros que nao estao somente dispostos mas insistem em o fazer.
Eu tenho um amigo Pastor do qual sua igreja estava deseperada financeiramente. Atraves da recomendacao de outro alguem, ele chamou um ministro bom em pregar sobre dinheiro.
Ele estava simplesmente procurando alguns conselhos e ideias para comunicacao verdadeira ao seu povo sobre ofertar.
Este ministro disse-lhe que ele viria e ajudar-lhe-ia pessoalmente.
Meu amigo Pastor aceitou a oferta.
O ministro veio e ensinou ao povo o conceito sobre pagar de volta o dizimo (a ideia foi, se voce tiver dizimos atrasados voce tera' que os pagar.)
Eu pessoalmente nao vejo esse conceito em parte nenhuma da escritura.
Pelo contrario, tal como em outras areas de nossas vidas que no's nao alcancamos, a resposta e' arrependimento, nao restituicao.
JESUS pagou o preco em completo por todos os nossos pecados, e no's nunca iremos conseguir pagar de volta a ELE.
Nao de menos, o povo respondeu ' a mensagem daquele ministro e deu mais de 60.000 em ofertas.
Seguido ao servico (culto), o ministro disse ao Pastor que a oferta por inteiro deveria ser para ele nao para a igreja. " Voce sera' abencoado, entregando toda a oferta para meu ministerio." , foi o que ele disse ao pastor.
Isto foi pura manipulacao.
Aquele ministro deixou a igreja nao melhor do que como a encontrou.
Estou convencido que este tipo de situacoes sejam uma abonimacao ao SENHOR.
Em risco de parecer que estou a vangloriar-me (Acredite, que nao estou. Tudo isto e' feito para a Graca do SENHOR.), eu tenho que dizer-lhe que em todas as igrejas que eu ja preguei sobre ofertar, o Pastor sempre me disse como a igreja ficou saudavel depois.
Muitas Igrejas teem visto suas procuras duplicar, e algumas ate' triplicar, uma vez que o povo pegou a revelacao da alegria em dizimar e ofertar e nao e' so' as financas que aumentam nestes casos.
A comparencia aumenta, o numero de pessoas a servir e voluntariar-se aumenta, a intensidade do louvor aumenta.
Todas estas coisas sao vitais sinais de uma igreja saudavel.
Todas acontecem, quando as pessoas deixam DEUS fazer um trabalho em seus coracoes sobre ofertar.
E porque isto assim?
Eu penso que a resposta recai em Mateus 6:21.
Lembre que neste verso JESUS disse: "Se os vossos lucros, estiverem no ceu, ai tambem estara' o vosso coracao."
Quando as pessoas comecam a investir os seus tesouros em DEUS atraves da sua igreja local, seus coracoes seguem.
E' a mesma dinamica quando voce ve alguem a investir num estoque do mercado pela primeira vez.
Quando voce investe num estoque, voce comeca a preocupar-se com ele.
Voce comeca a olhar nos jornais, na internet quase todos os dias.
Voce comeca a prestar atencao nas noticias sobre esse estoque, a companhia, na T.v.
Porque? Porque onde quer que o seu tesouro estiver, seu coracao ira' para la' tambem.
Se voce quer que o seu coracao siga as coisas que o coracao de DEUS e' depois - a igreja local e alcancar o perdido - coloque seu tesouro la'.
Seu coracao ira' segui-lo.
Quando o povo de DEUS alcanca a revelacao sobre ofertar - quando DEUS faz um trabalho em seus coracoes - eles comecam a desejar servir na sua propria igreja. Eles quererao ajudar o ministerio das criancas a crescer, quererao ver a igreja com um bom ministerio de jovens, um coro poderoso e uma equipa abencoada.
Vao querer ser generosos nas ofertas missionarias.
A atmosfera na Igreja muda completamente quando o povo alcanca a revelacao sobre generosidade, dizimar e ofertar.
DEUS te abencoe.
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Saturday, July 25, 2009

Saia Da Divida CAP.VII - FACA A COISA CERTA

Saia Da Divida
CAP.VII - FACA A COISA CERTA
Sub-titulos
  • Saia da divida
  • Nunca manipular os outros
  • Dar
  • Confie e obedeca
Lembra-se do velho posto de gasolina que mencionei no capitulo 1?! Bem, existe uma razao da qual conduziamos um veiculo de vindima. Nao podiamos sustentar algo melhor. No's compramos um carro velho porque DEUS instrui-nos a fazermos tres coisas em relacao 'as nossas financas.
  1. Sair das dividas
  2. Nunca manipular os outros
  3. Dar

Para no's, estes tres importantes principios teem sido fundamentais como pedra que sustenta o viver uma vida abencoada.

E eu penso que estes principios representam a chave para que voce possa viver financeiramente bem na terra prometida por DEUS.

Portanto neste capitulo com estes tres principios quero elaborar e partilhar alguns testemunhos que acredito que encontrara' inspiracao e instrucao.

SAIA DA DIVIDA
Compramos o nosso carro em 1973 com 130,000 milhas por uma razao muito simples. Foi o unico veiculo que encontramos a funcionar e no valor que podiamos pagar. Compramos por $750. Pouco antes dessa compra, conduzimos um carro um ano mais velho. Foi um carro bom mas com um pagamento de -$370 por mes, para ser exacto. Fazendo comparacoes, o pagamento da nossa casa nessa altura era $320 por mes. (guarde em sua mente, isto foi no inicio dos anos 80's, o dollar desse tempo)
DEUS disse-nos para vender-mos o carro e trabalharmos como sair das dividas e assim o fizemos.
Entao compramos o carro velho por $750. Oramos sobre ele, ungimos-lhe de oleo e amamos faze-lo, isto porque, o carro era tao velho que ja nao tinha muito para cuidar, mas noutro lado, sabiamos que estavamos bem no centro das vontades do SENHOR.
Levou-nos um ano para sairmos das dividas, eu sei que voce talvez esteja a pensar que levaria-lhe muito mais tempo a si, mas deixe-me dizer o que fizemos para que viesse a ser uma realidade.
Durante essa epoca, no's nao compramos nada que nao fosse necessario.
No's nao fomos comer fora. Nao fomos ao cinema, nao compramos roupa, nem o micro-ondas que nessa mesma epoca, estragou, nao compramos outro. Nao compramos nada nessa epoca, porque comprometemos-nos de sair das dividas, sem importar o tempo a levar.
No's diziamos ao SENHOR,
" No's estamos serios sobre isto, e no's mostraremos. "
Eu ja vi tantas pessoas dizerem-me o mesmo, que querem sair das dividas, mas nao mudam o seu genero ou forma de viver.
Continuam a comer fora, comprar roupa nova, ferias, diversoes e continuam a comprar com cartoes de credito ate' carros novos e casas novas.
Eu recordo um casal na nossa igreja que estava com serios problemas financeiros e vieram ter connosco para aconselhamento.
Em contraste aos demais, eles fizeram exactamente o que lhes dissemos. ( E' impressionante como muitas pessoas vem ao encontro do Pastor pedindo ajuda neste sentido e depois prosseguem ignorando o que lhes foi dito, eu nao entendo mesmo porque perguntam em primeiro lugar, em primeiro ponto!! )
Este casal, perguntou-nos por conselhos e depois seguiram-os.
No's dissemos-lhes carinhosamente, " Voces nao tem como sustentar a casa onde vivem, terao que a vender e comprar uma mais pequena, terao tambem que tomar alguns passos radicais. "
Fantasticamente, eles o fizeram.
Seguiram DEUS, o conselho espiritual.
E o resultado?! DEUS abencou aquela familia, e como prova disso o casal recentemente ofertou um carro a um jovem rapaz da nossa Igreja que precisava.
Eles entraram de uma pressao financeira e crucial a uma liberdade de ofertar um carro.
Agora o verdadeiro sentido, estilo de viver ( os niveis de paz, alegria e envolvimento) aumentaram sem medidas.
A verdade e' que, se voce for viver com o estilo de vida de ofertante, voce vai ter que fazer ajustes 'a sua forma de viver que permitira' voce ofertar e um dos primeiros caminhos a seguir e' sair das dividas.
Quando DEUS viu que estavamos serios a respeito do nosso acordo a sair das dividas, ELE comecou a abencoar-nos tremendamente.
Por isso podemos estar livres das dividas em um ano.
Isto e' que e' a grande maravilha sobre o principio.
Voce nunca esta' por si mesmo (sozinho). DEUS mantem-se em posicao, pronto e disposto a fornecer toda a ajuda dos ceus se voce somente voce tomar o primeiro passo de fe' e comecar.
Entao deixe-me perguntar, quanto se sente seguro em obedecer DEUS nas suas proprias financas?
Eu e a minha esposa comecamos a entender que todo o dinheiro pertence a ELE. Sendo assim, temos que pergunta-lo antes, se podemos gasta-lo.
Uma forma valiosa de o fazer e' orar sobre a compra que pretende fazer e esperar durante noite/dia ate' a resposta vir antes de comprar.
Claro que nao estou a falar de orar durante a noite sobre um pacote de corn-flakes que vai comprar no supermercado, estou falando de pegar na grande ou na pequena compra entregar ao SENHOR e sobre a noite esperar ate' a decisao.
Veja descobri que 80% das nossas compras sao feitas por impulso e uma pequena oracao e um periodo de "cortar-fora" poder vir a fazer que tenhamos control em comprar.
Esta obrigacao resulta bem quando estamos a ser pressionados por um vendedor e o mesmo quer que facamos decisao imediata.
Quando uma possibilidade diz " Eu tenho que orar sobre isto." a maioria dos vendedores sao treinados para dizerem que respeitam seu desejo e deixar-lhe-ao sozinho e que dentro de poucos minutos regressara'.
Mas eles nao tem a resposta quando voce lhes diz que voce nao faz nenhuma compra sem orar sobre a mesma durante a noite.
Um dos maiores premios por obedecer DEUS e sair de dividas e' a liberdade de fazer a coisa certa quando DEUS fala com voce sobre a mesma.
Deixe-me dar-lhe alguns exemplos.
Uma vez um anterior patrao meu, decepcionado acusou-me de roubar $2.500. Agora, eu tenho os recordes financeiros para provar que ele estava errado.
Ele nao devia dinheiro, e eu posso provar!
Mas eu acredito no principio de ir ate' a extra-milha e DEUS por isso sempre nos abencou.
Sendo assim, vendemos um veiculo que tinhamos nessa altura, compramos um mais barato e tiramos $2.500 e enviamos-lhe.
No's nao deviamos nada a ele, mas sentimos DEUS falar-nos " vao ate' a extra-milha."
Na semana seguinte, alguem nos enviara uma carrinha no valor de $25.000.
Outra ocasiao, com outro patrao anterior, este acusou-me de dever-lhe $400, ele estava errado, eu nao devia nada e eu pude provar-lhe. Mas outra vez, no's quizemos ir 'a milha - extra.
Romanos 12:18 diz-nos " Sempre que possivel e na medida que isso dependa de voces, tenham boas relacoes com toda a gente."
Francamente, eu gostaria muito mais ser traido por o homem e ser abencoado por DEUS, do que insistir com a imparcialidade do homem mas perder a bencao de DEUS.
Sempre que faco as coisas correctas DEUS sempre abencoa.
Entao enviei o dinheiro ao meu patrao, $400 e na semana seguinte recebi uma oferta inesperada de $5.000, DEUS sempre honra quando fazemos a coisa certa.
DEUS procura bons "comissarios de bordo" ELE procura pessoas que "Ora bem, deem a Cesar o que e' de Cesar, e a DEUS o que e' de DEUS."(Mateus 22:21)
Isto tambem significa que nao devemos mentir no nosso tax (financas anuais) ou economizar nas nossas ofertas.
Pense sobre isto, DEUS realmente tem feito um trabalho em nossos coracoes.
Mas porque que tentamos sempre diminuir a quantia do nosso dizimo?
Mas porque que tentamos incluir o dizimo na nossa renda antes do grosso?
Esta e' a chave - DEUS quer fazer um trabalho em nossos coracoes.
DEUS te abencoe.
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Thursday, July 23, 2009

Bencaos De Amendoin Com Guia De Estudo Incluido CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO

Bencaos De Amendoin Com Guia De Estudo Incluido
CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
Quando DEUS trabalha nossos coracoes, no's ofertamos simplesmente porque ofertamos, nao porque queremos receber.
O resultado da bencao que recebemos e' pelo produto nao pela meta.
Eu vi um optimo exemplo disto numa viagem a Costa Rica para pregar numa escola Biblica.
Eu descobri que todas as sextas eles tinham o que chamavam " Abencoe mais um dia!" - o dia que todos os estudantes sao encorajados a ofertar uns aos outros.
Escutei uma historia de um jovem na escola, que nao tinha dinheiro e trabalhava nos campos de amendoin de um fazendeiro para pagar sua escola.
Ele foi ter com o fazendeiro e disse" Eu gostaria que o senhor tirasse do meu ordenado, o valor de um amendoin e assim poderei ofertar um colega de sala no dia do " Abencoe mais um dia!", sera' possivel?"
( Mantenha em mente como teria sido mais facil este jovem ter tirado um ou dois amendoins da colheita e colocado em seu bolso. DEUS pode abencoar pessoas com integridade.)
O fazendeiro concordou. E assim, todas sextas feiras este jovem ofertou a um outro estudante da sua sala um amendoin.
Nao e' surpreendente, que DEUS comecou a abencoar este jovem rapaz que teve um coracao altruista e liberal. Um tempo depois ele nao dava amendoins na sexta feira, mas sim dinheiro. No final do semestre , ele ja comprava lapis para outra escola que ajudaria os estudantes mais necessitados.
No final desse ano, DEUS abencou-o tanto que ele foi capaz de pagar a matricula de outro estudante necessitado. E quando se graduava foi capaz de pagar a matricula de dez alunos sozinho.
Uns anos depois de finalizar sua graduacao na escola biblical ele comprou a fazenda de amendoin onde um dia jovem trabalhou e foi cobrindo o pagamento de jovens que nao podiam pagar suas matriculas para estudar.
E tudo comecou porque DEUS trabalhou seu coracao.
Ele ofertou quando somente poderia ofertar um amendoin.
O proposito nao vem da quantidade que ofertamos mas sim o motivo porque ofertamos.
DEUS abencoa os que ofertam? Com certeza, sem duvida!
Mas essas promessas de bencaos que sao dadas, nao sao para nos atrair, mas para libertar do temor e da magoa que faz com que muitos crentes mudem de perder para ofertar.
Sim, quando voce oferta, " A vossa dadiva sera vos devolvida em medida atestada, sacudida para caber mais um pouco ate deitar por fora." (Lucas6:38)
DEUS despeja bencaos em doadores, e ELE faz e tao bem que faz com que eles possam ofertar cada vez mais ao seu REINO mas leva-nos a um transplante de coracao.
Quando vamos ao encontro do lugar onde ofertamos simplesmente porque temos um coracao altruista, liberal e cheio de gratitude perante DEUS, no's estaremos caminhando bem, na rua da vida abencoada.
DEUS te abencoe com um coracao altruista, liberal e de gratitude a ELE.
GUIA DE ESTUDO PARA CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
Tecla de escritura:
Deuterenomio 5:29; Deuterenomio 15:15; Proverbios 16:2; Lucas 6:38; Tiago 4:3
Pontos a ponderar:
  • Voce sempre recebe de retorno mais do que voce oferta.
  • DEUS nao quer que nosso foco seja na visao em receber, ELE quer que tenhamos nossa visao em ofertar.
  • Praticamente todos sao alegres recebedores.DEUS quer que sejamos doadores alegres.
  • Um coracao propriamente focado e' mais alegre e radiante em ofertar do que receber sua parte.
  • O egoismo pode atacar-nos antes que possamos ofertar, mas a magoa pode atacar-nos depois de ofertar.
  • Quando somos gratos, somos generosos.
  • As nossas atitudes em direcao a posses tem um enorme poder em abilitar-nos a expor a verdadeira natureza de nossos coracoes.

Alimento para pensar:

  1. Eu penso que a chave para ter motivos correctos e' renovar nossas mentes e entender que os pensamentos egoistas sao nada mais que indelicados; eles sao maus (veja Deuterenomio 15:9) E' uma atitude altruista um acto de ira, uma questao de pratica, disciplina espiritual ou um trabalho de graca nas nossas vidas?
  2. Desenvolva tres estrategias que voce pode fazer em avanco de fazer um presente ou oferecendo prevenir remorso do doador(ofertante).
  3. Pense em alguma altura em que voce perdeu algum dinheiro. Talvez foi no mercado de valores, talvez numa carteira desaparecida ou tambem fez uma ma' compra. O que lhe mostrou essa experiencia sobre a importancia do dinheiro em sua vida?
  4. Como se aplica 1 Timoteo 6:5 (a condenacao que Paulo fez ao povo que via o caminho de DEUS como uma maneira de crescer financeiramente) aos nossos estudos sobre motivos e ofertar?

Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Monday, July 20, 2009

Lamento Ou Gratidao CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO

Lamento Ou Gratidao
CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
Tal como disse antes, um coracao de gratitude verdadeira e' raro e precioso.
Com o passar dos anos, tenho recebido pequena visoes de como DEUS deve sentir-se em relacao 'a Debbie e a mim por nos envolvermos em bençãos e ofertarmos outras pessoas.
O facto e' que, em qualquer situacao que nao ofertassemos algo a alguem, encontravamos-nos numa das duas atitudes.
Pessoas respondem a uma bencao ou com gratitude ou com lamentacao.
Deixe-me explicar o que quero dizer.
Esta segunda resposta e' a mais comum quando escolhemos ofertar a mesma pessoa em varias ocasioes. Quando voce oferta a alguem uma vez so', talvez fiquem surpresos e gratos.
Mas quando se e' generoso varias vezes com a mesma pessoa, existe uma tendencia para a pessoa que recebe pensar que o presente e' ofertado com alguma segunda intencao.
No's respondemos a DEUS da mesma maneira a todo o momento. DEUS repetidamente abencoa, nos oferece e no's sempre fazemos grandes expectativas, mas se ELE nao o fizer ficamos logo ofendidos.
Ou e' lamento ou e' gratidao.
Eu tive uma experiencia que embeleza muito bem a diferenca entre as duas .
Numa das vezes em que eu e a minha esposa estavamos para ofertar mais um carro, estavamos no's em frente 'a nossa casa com a familia que iamos abencoar.
Estavam dois carros no estacionamento, o que iriamos ofertar e o nosso.
A mulher respondia 'a nossa oferta com gratidao, expressava-se com bastante alegria.
O seu esposo, por outro lado nao. Consoante iamos conversavando, ele fazia elogios ao nosso carro, dizendo como era bonito e bom.
Quando entramos em casa um pouco mais tarde ele perguntou-me assim "Voce pensa algum dia em ofertar o seu carro?"
Eu lembro pensar " Mas nao a voce!"
Temos que estar atentos 'as nossas atitudes em direcao a posses, pois elas sempre teem a abilidade poderosa para expor a verdadeira natureza de nossos coracoes.
Mesmo que seja lamento ou gratidao, dinheiro ou coisas materiais sempre vira' para fora.
Se voce e' pai ou mae, pergunte-se a voce mesmo agora "Qual atitude que costuma o motivar para com seu filho quando o quer recompensar, lamento ou gratidao?"
Obviamente, bons pais querem recompensar seu filho com gratitude e DEUS nao e' diferente.
DEUS recompensa-nos com gratidao.
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Wednesday, July 15, 2009

Um Trabalho Final Do Coracao CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO

Um Trabalho Final Do Coracao
CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
Quando deixamos que DEUS nos mude nesta area, existe ainda mais um trabalho que ELE tera' que fazer em nossos coracoes.
Temos que desenvolver um coracao agradecido.
Volte a Deuterenomio 15 pela ultima vez:
" Lembrem-se que tambem foram escravos na terra do Egipto e que o SENHOR vos salvou de la'. E' por isso que vos dou esta lei." (Deuterenomio 15:15)
Porque DEUS instruiu os Israelitas a relembrar que foram escravos?
Porque assim poderiam encher seus coracoes de gratitude por tudo que ELE fez por eles.
De tempos em tempos, em louvor ou no meu tempo mais tranquilo, DEUS relembra-me o meu passado.
ELE nao o faz para que eu me sinta culpado ou condenado.
ELE sabe que produzira' gratitude profunda.
Eu era uma grande confusao, estava na rua da amargura e da auto-destruicao e de repente ELE salvou-me e colocou-me na rua da vida e das bencaos.
Quando eu penso sobre isso, meu coracao completa-se de uma gratidao imensa.
Quando deixamos DEUS relembrar-nos que costumavamos ser escravos e que tudo o que temos hoje e' por SUA mao graciosa, ajuda-nos a ser generosos.
Gratitude genuina para com DEUS e' rara e coisa poderosa.
Uma vez quando pregava numa pequena igreja no subjectivo "ofertar", um amigo meu, um ofertante liberal, veio perto de mim enquanto eu orava, para orar junto a mim tambem.
E a oracao que ele fazia era para que DEUS trabalha-se o coracao de quem escutava a mensagem na area de ofertar.
No final da mensagem eu disse "Eu quero que cada um de voces ore e peca a DEUS o que ELE quer que voces ofertem esta noite."
Nesse momento, o meu amigo pensava sobre o que DEUS talvez quizesse que ele ofertasse, e no mesmo instante apercebia-se que nao trouxera nem sua carteira nem seu livro de cheques.
Para sua tristeza ele viu que nao tinha nada para ofertar.
Ele orou "DEUS, meu SENHOR o que poderei ofertar? Eu nao tenho nada para ofertar!
Imediatamente, o SENHOR relembra-lhe que ele tinha um novo par de sapatos carissimos. O SENHOR disse "EU quero que ofertes os sapatos ao Pastor desta Igreja."
O Pastor desta pequena Igreja talvez nunca comprara uns sapatos naquele valor para ele mesmo, mesmo que os pudesse comprar, do qual penso que nao.
Nesse momento o meu amigo passou por aqueles pensamentos "ginasticos" onde DEUS nos pede para fazer aquelas coisas que supostamente nao sao coisas casuais.
" E se nao for o numero adequado? Ele ficara' ofendido? O que as pessoas irao pensar? Eu vou sair daqui a caminhar nas minhas meias?!"
Depois de uns momentos, ele tomou uma decisao, " O SENHOR falou comigo, por isso eu farei, fazendo sentido ou nao, eu farei."
E assim foi ter com a esposa do pastor e perguntou "Que numero de sapato usa seu marido?"
Era precisamente o mesmo tamanho do seu sapato.
E assim foi, fui com o meu amigo para casa e ele de meias nos pes, mas ele foi abencoado e cheio de alegria e como o Pastor tambem.
Anos mais tarde, escutei a historia de um homem que naquela mesma noite tambem estava na congregacao e tinha conhecido JESUS recentemente, e antes de nascer de novo, tinha desperdicado todo seu dinheiro e estava completamente a zeros.
Na hora das ofertas disse, "SENHOR, o que posso ofertar? Eu tenho tao pouco dinheiro, mas o meu coracao e' tao cheio de gratidao por tudo o que tem feito por mim."
Assim que disse isso, DEUS deu-lhe a ideia de fazer um seguro para a Igreja. Entao, ele fez o seguro de $100,000 e passado alguns anos mais tarde, ele morreu e a Igreja recebeu aquele dinheiro - O presente maior que talvez ele poderia ter ofertado de qualquer outra maneira.
DEUS te abencoe.
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Tuesday, July 14, 2009

Mais Cirurgia De Coracao CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO

Mais Cirurgia De Coracao
CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
Por tras do coracao que esta' por se tornar um coracao egoista e do qual tentando nao ser um coracao lamentado tambem, existe um terceiro ajustamento que devemos colocar na area de ofertar.
E com a ajuda de DEUS, podemos desenvolver um coracao liberal ou generoso.
Agora, eu nao estou a usar o termo "liberal" no sentido politico. Falo de liberdade, a practica de tornar-se generoso e livre das suas posses materiais. Veja mais uma vez esta passagem que fala sobre ofertar ao pobre em Deuterenomio 15:
"Deem-lhe um bom presente de despedida, tomado dos vossos rebanhos ou dos vossos lagares de azeite ou de vinho. Partilhem com ele na proporcao que o SENHOR vos tiver abencoado." (Deuterenomio 15:14)
Talvez nao temos rebanhos ou lagares, mas continuamos a ser chamados para ofertar liberalmente do que DEUS nos abencoa.
Nao deveremos ser mesquinhos no nosso ofertar; Temos que ser generosos, por isso e' que devemos cultivar um coracao liberal.
Isto vem contra a nossa propria natureza, mas e' perfeitamente consistente com as novas naturezas que recebemos quando entregamos nossas vidas para JESUS. Eu digo 'as vezes: " Eu nasci egoista, mas nasci de novo generoso."
A chave para andar na nova natureza, em vez da velha natureza, e' simplesmente a renovacao da mente.
"Nao se conformem com os padroes e costumes deste mundo, mas sejam como gente diferente, atraves da renovacao da vossa maneira de pensar."
(Romanos 12:2)
Uma mente renovada traz transformacao.
A minha nova natureza, o espirito homem dentro de mim, quer ser generoso, mas eu tenho que aprender a renovar a minha mente nesta area.
Eu devo acreditar que DEUS cuidara' de mim se eu for um generoso ofertante.
A minha natureza velha costumava calcular como eu poderia manipular circunstancias a meu favor.
Claro, essa e' a atitude de quem tira e nao de quem oferta.
O Egoismo tenta manipular DEUS ou faz negocios com ELE onde o ofertar e' preocupante.
Mas uma pessoa com coracao liberal oferta rapido e generosamente porque sabe que tudo pertence ao SENHOR, e confia NELE pois sabe que ELE cuidara' e abencoa'-lo-a.
Sem pensar em creditos nenhuns para mim, este e' um trabalho que DEUS colocou no meu coracao; E este livro e' para testemunhar a voce que isto funciona.
DEUS e' fiel.
A um tempo atras, Debbie , minha esposa, conversava com um pastor e sua esposa que estavam instalados em nossa casa.
Eles claramente poderam ver que no's viviamos uma vida abencoada, e entao o pastor perguntou a minha esposa, "Porque que voces acham que DEUS vos abencoa tanto?"
Debbie pensou sobre o assunto por um momento e respondeu, "Eu creio que tem haver com o coracao do Robert. Quando Robert foi salvo, DEUS tanto mudou seu coracao que ele ofertou tudo que possuiamos de tal forma que se ele sentisse que DEUS o dizia para. E felizmente, ele fez inumeras vezes, porque ele ama DEUS e ama as pessoas. DEUS deu-lhe um coracao que quer ofertar generosamente ao povo de DEUS e aos trabalhos do SENHOR."
Eu nao consigo explicar-lhe o quanto ofertar nos trouxe alegria em nossas vidas.
Ser ofertantes no REINO DE DEUS e' a melhor coisa que alguma vez poderiamos ter.
Tem resultado numa vida mais deslumbrante, da qual nunca poderiamos algum dia imaginar.
DEUS E' FIEL!
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

O Coracao Lamentado CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO

O Coracao Lamentado
CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
" E o seu coracao nao devera' lamentar-se quando voce oferta a ELE."
Isso e' o que o SENHOR diz na passagem que lemos em Deuterenomio 15.
Depois de enderecar que temos um coracao egoista, a segunda coisa que temos que negociar com, e' um coracao lamentado quando oferta.
Leia este verso todo:
"Deverao emprestar-lhe o que ele precisar e sem chorar essa vossa decisao. Porque o SENHOR vira' fazer-vos prosperar em resultado disso que fizeram." (Deuterenomio 15:10)
Note que o presente que recebe por ser um ofertante e' ter uma vida abencoada. DEUS diz que ira' abencoar-lhe em tudo onde voce colocar suas maos e em todos os trabalhos.
Mas ele da' intruscoes para que nao tenhamos coracoes lamentados depois de sermos obidientes em ofertar.
E' importante nao deixar-se sentir lamentado sobre aquilo que poderia ter feito com o dinheiro se voce o guardasse para voce mesmo.
Egoismo pode atacar-nos depois de ofertarmos.
Pessoas que vendem grandes "marcas" para viverem, sabem bem sobre o que se costuma chamar "compradores com remorsos".
O termo refere-se a pessoas que geralmente compram um objecto num valor exuberante de dinheiro, tal como um carro ou uma casa.
Depois do momento das lagrimas devido 'a alegria, poderao as mesmas experimentar um momento de panico, um sentimento de culpa para com ele proprio.
Muitas coisas compradas por impulso sao retornadas no dia a seguir como resultado deste fenomeno.
Talvez algo similar podera' acontecer quando voce tem que ser obidiente a ofertar tal como o ESPIRITO SANTO o propoe.
Isto significa que voce tera' que guardar o seu coracao antes de ofertar e depois tambem.
Outro problema:
Muitas pessoas ofertam porque sentem que teem que ofertar em vez de ser porque eles o querem fazer mesmo.
Eles sentem-se pressionados a ofertar, e depois lamentam-se sobre a oferta que fizeram. Lamentam-se sobre o dinheiro que ja nao teem.
DEUS esta' tentando fazer algo profundo nos nossos coracoes.
Se estivermos completamente cheios do sentimento de peso, lamentacao depois da bencao, agradara' ao SENHOR?
Conseguiu o SENHOR trabalhar em nossos coracoes o que queria? Nem por isso.
Entao como voce combate as lamentacoes?
Voce faz tudo com uma perspectiva propria quanto ao "seu" dinheiro.
Para ilustrar esta perspectiva, uma vez parei no meio de um sermao e disse
" Voce sabe uma coisa? Preciso que alguem me de $100."
Imediatamente, um homem levantou-se veio 'a frente e entregou-me uma nota de $100. Eu coloquei -a no bolso e continuei com o sermao.
Tenho a certeza que todos na congregacao estavam a pensar, "Como podera' ter acontecido isto, porque? Porque que ele pediu $100 e muito rapido aquele homem levantou-se e entregou-lhe a quantia certa? (eu suspeito que a pessoa que mais pensou, foi a esposa do homem!)
Depois de deixar todos colocarem suas proprias questoes e tirarem suas proprias conclusoes interrompi minha mensagem outra vez para explicar o porque do acontecimento.
"Deixem-me dizer-vos porque que aquele Senhor foi tao rapido em trazer-me aquele dinheiro sem saber o porque da minha necessidade.
Antes do servico comecar, eu entreguei-lhe $100 e disse-lhe que o trouxesse rapido, assim que eu o mencionasse."
Eu comecei a explicar que estava a tentar ilustrar um ponto para todos.
A razao que o homem entregou o dinheiro tao rapido quando perguntei, foi porque ja era meu em primeiro lugar.
Ele nao experimentou lamentacao, remorso ou conflicto emocional sobre ofertar-me o dinheiro.
Porque? Porque sabia que nao era dele.
Tal como vimos no capitulo anterior, o mesmo e' verdade sobre tudo o que temos.
E' tudo de DEUS e no's meramente exercitamos a intendencia sobre ELE.
Quando alcancamos DEUS na perspectiva do dinheiro, quando entendemos que o dinheiro pertence num total a DEUS, e' facil ofertarmos quando ELE pergunta por.
No's ofertamos ao SENHOR de livre vontade e nao nos lamentamos por isso. Entendemos que nao era nosso em primeiro lugar.
Mas mesmo assim observo Cristaos a operar com egoismo, eu sei que estou a olhar para uma pessoa que nem sabe ou esqueceu que tudo pertence ao SENHOR.
Actuam com se fossem donos, nao como "comissarios de bordo".
O homem que deu-me o dinheiro durante o meu sermao, ele, realmente nao deu-me o dinheiro, ou deu?
Ele simplesmente retornou o que era meu.
Talvez tenhamos um problema em ofertar porque nao entendemos o que e' ser "comissiario de bordo".
E faz que esquecamos que DEUS e' dono e quando partilhamos somente estamos a retornar a DEUS o que era DELE em primeiro lugar.
Entao, deixe-me perguntar-lhe:
O seu coracao alguma vez lamentou-se sobre ofertar dinheiro?
Alguma vez deparou-se a sentir tristeza sobre o dinheiro que perdeu?
Voce pode parar.
Nao era seu em primeiro lugar!
DEUS, e' dono em primeira mao!
Abracito, Yola Tatiana Veiga Bastos

Friday, July 10, 2009

O Coracao Egoista CAP. VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO

O Coracao Egoista
CAP. VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
De acordo com Deuteronomio 15:9, vamos ter que negociar com os pensamentos maus, dos quais poderemos nao ter compaixao pelo proximo.
Aqui DEUS claramente poe uma etiqueta nos pensamentos egoistas como pensamentos maus.
O egoísmo cochicha que nós não teremos bastante e nem DEUS nos será fiel ao encontro das nossas necessidades se no's ofertarmos.
"Nao permita ao seu coracao pensar dessa forma."
Obviamente, avareza e egoismo nao sao propriamente motivos para ofertar. DEUS quer tranformar-nos de avarentos, egoistas em gratificantes e generosos ofertantes.
Em Josue 1 diz:
" Lembra constantemente ao povo estas leis, e tu proprio devera's meditar nelas dia e noite, para teres a certeza de que lhes obedeces integralmente, porque so' entao tera's sucesso." (Josue1:8)
Muitas pessoas quando leem este verso deparam-se a pensar que a chave para se tornar prospero e ter muito sucesso e' meditar na palavra.
Queira dar mais uma olhada ao mesmo e vera' que so' metade esta' correcto.
Este verso actualmente diz que no's temos que meditar dia e noite na palavra e assim podemos fazer tudo o que diz para fazermos!
E' durante a palavra que traz o sucesso e a bencao.
Por isso que egoismo e' precisamente o seu inimigo.
O egoismo tenta manipular e fazer negocio com DEUS e no's nascemos egoistas.
Em risco de ofende-lo, caso voce seja novo ou recem pai(mae), eu tenho que dize-lo que o seu precioso anjo saltou do ventre totalmente e completamente absorvido.
Em todos os bebe's a sua primeira expressao nao e' "mama" ou "dada".
E' "uaaaaaa!", que pode ser traduzida como, "alimenta-me!, troca-me!, abraca-me agora!"
E por acaso ja se apercebeu que em toda a crianca que fala ingles quando tem dois anos de idade, a palavra favorita e' "mine!" (meu)?
Claramente o egoismo e' profundamente persistente nos nossos coracoes e nao muda somente consoante o crescimento do nosso corpo.
Se duvida disto, tente somente algum dia destes, ajudar-se a si proprio e coloque uma costela de carne de porco ou uma asa de frango num prato de um homem.
E' uma boa forma de perder uma mao.
Talvez voce nao notou, mas a maioria dos homens nao gosta de partilhar sua comida.
Mas em contra partida a maioria das mulheres, estao felizes em partilhar a sua comida.
Aprecie um grupo de mulheres num restaurante e ira' ser testemunha que muito mais comida sera' partilhada entre elas do que no mercado de troca de dinheiro em Chicago (exemplo). Isto explica porque que a mulher assume que o seu homem ira' estar feliz em partilhar o seu prato e ela esta' errada.
Esta dinamica funciona milhares de vezes durante o dia, imaginemos que um casal pa'ra num desses lugares onde se pede a comida mesmo estando dentro do carro (fast food-drive).
O casal assim que chega escuta: " Bem vindos ao Hamburguer Circos, posso receber sua ordem?"
O esposo abre sua janela e fala um pouco mais alto do que necessario e diz "Sim, eu gostaria de ter uma hamburguer com duplo queijo, batatas fritas e uma coca cola."
E depois ele vira-se para a sua esposa e pergunta-lhe " Que desejas, querida?"
E o que ela responde?
" Oh, eu nao quero nada, eu como um pouco do teu."
Algum do meu... (o homem pensa) Sera' que ela nao entende, que "meu" e'...bem...meu? Eu pedi a quantia de comida que eu quero comer!
Claro, que o homem nao disse nada disto, mas falou assim:" Querida se voce quer alguma coisa eu peco para voce, se quizer batatas fritas, eu peco."
"Nao, nao!" Diz ela, "Eu nao tenho muita fome."
Claro, o esposo sabe que metade das suas batatas ja estao destinadas a ela.
O meu ponto e' que todos no's somos egoistas.
A condicao de omissao do ser humano e' evitar partilhar com os outros.
Mas depois o PAI DOS CEUS vem a no's e diz-nos , "EU quero negociar com este coracao mau e egoista e torna'-lo um ofertante. EU quero fazer-te como EU."
DEUS e' bom.
Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Saturday, July 04, 2009

O Quadro Maior CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO

O Quadro Maior
CAP.VI - LEVA-NOS A UM TRANSPLANTE DE CORACAO
(Sub- titulos)
  • O quadro maior
  • O coracao egoista
  • O coracao lamentado
  • Mais cirurgia de coracao
  • Um trabalho final do coracao
  • Lamento ou gratidao
  • Bencaos de amendoin

Eu penso que Lucas 6:38 e' um verso maravilhoso da escritura. Mas tambem estou convencido que e' um dos mais frequentes versos mal aplicados e de menos entendimento da Biblia.

As suas palavras sao bastante familiares para os Cristaos e talvez voce as tenha na memoria:

" Se derem receberao! A vossa dadiva vos sera' devolvida em medida atestada e sacudida para caber mais um pouco ate' deitar por fora. A medida que usarem para dar, seja ela grande ou pequena, sera' a mesma com que se medira' o que vos for dado de volta." (Lucas 6:38)

Um dos maiores erros que as pessoas fazem acerca deste verso e' assumir que JESUS fala somente sobre dinheiro. Na verdade, ELE revela-nos o principio que se aplica a todas areas da nossa vida. Isto comeca a ser como cristal limpo se voce olhar para o largo conteudo do verso.

Por um instante leia os versos anteriores 36 e 37 : " Sejam compassivos como o vosso PAI e' compassivo. Nao julguem e nao serao julgados. Nao condenem e nao serao condenados. Perdoem e serao perdoados." (Lucas 6:36-37) E' Somente quando JESUS diz:" Se derem, receberao!" (V.38) Sim, este principio aplica-se ao dinheiro, mas voce tambem pode dar perdao. Voce pode dar misericordia. Voce pode dar entendimento. Voce pode dar paciencia.

JESUS simplesmente esta' a falar do imenso principio de ofertar. Seja o que for que voce der, sera' dado de volta na medida "atestada, pressionada, sacudida para caber mais um pouco ate' deitar por fora." (Lucas 6:38)

Para capturar o verdadeiro significado desta verdade, voce precisa saber mais sobre os termos " medida atestada", "pressionada", "sacudida" e a "transbordar" e ao que se referem. Na realidade estes sao termos agricolas.

De acordo com as instrucoes no Novo Testamento, os agricultores deixavam graos nos cantos de seus campos para os pobres. Em cada ano na altura de colheita, havia dois tempos de colheita no campo: a primeira colheita no meio do campo para aqueles que eram pagos por trazer a colheita e o outro, para as pessoas pobres dos cantos dos campos que colhiam para que pudessem alimentar-se a si proprios e 'as suas familias.

Primeiramente as colheitas feitas no meio do campo eram recolhidas para um cesto e carregadas para o celeiro ou vagao. Depois despejavam-nas e voltavam para o campo para encher a cesta de novo. Para estes trabalhadores nao fazia muita diferenca a quantidade que o cesto levava, estes eram pagos 'a hora, por isso nao se importavam. Somente precisavam de manterem-se ocupados ate que toda a colheita estivesse no celeiro.

Mas este nao era o caso para os pobres, que trabalhavam nos cantos dos campos. Esse campo para eles era perto e no meio do nada junto de suas casas. Talvez tinham que andar algumas milhas. Fosse qual a quantidade que encontrassem nos cestos seria a quantidade que alimentariam as suas familias. Eles tinham incetivos de vida e morte para que enchessem o maximo possivel os cestos.

Se voce estivesse nessa posicao, voce primeiro certificava-se se teria colocado o suficiente em boas medidas ou somente metade do cesto e assim voce poderia tentar compressar os graos para criar mais espaco e depois de encher o cesto voce certificava-se em xaculhar os graos a fim de tapar espacos de ar entre os mesmos.

Uma coisa e' receber um cesto de grao de graca, outra coisa diferente, e' receber com uma boa medida, pressionado e xaculhado muito bem.

Por isso o SENHOR escolheu usar estes termos. ELE sabia que seus ouvintes em Israel instantaneamente conectariam-se com o ponto que ELE tentara chegar.

O que ELE dizia e' que nao importa o quanto ofertas, voce ira' receber em retorno muito mais do mesmo. Este e' um principio universal de DEUS. Voce sempre recebe de volta mais do que voce oferta.

Pense nisto neste sentido. Quando voce oferta uma semente de maca plantando-a, voce nao recebe em retorno uma semente. Depois de um tempo voce recebe uma arvore de macas, e cada maca tem varias sementes. Voce recebe tanto mais do que o que voce ofertou.

E' aqui que muitas pessoas agem mal em relacao a esta passagem da escritura. Assim que voce entende a verdade maravilhosa da mesma, ai estara' um desejo tremendo de fazer a sua motivacao para ofertar.

Muitos pregadores e professores actualmente caem nesta armadilha e depois encorajam outros a fazer o mesmo.

O principio "dar e sera' dado a voce" e' ser nossa recompensa nao nossa motivacao. Por isso JESUS procede com esta promessa dizendo, " nao julgue e nao sera' julgado, nao condene e nao sera' condenado, perdoe e voce sera' perdoado." (Lucas 6:37).

Este contexto coloca esta promessa numa luz bem sossegada. Se voce transmite julgamento, assim sera', retornara' a voce, em boa medida, pressionada, xaculhada e a transbordar.

Se voce der condenacao, assim retornara' a voce, em boa medida, pressionada, xaculhada e a transbordar. Trabalha para ambos os lados!

As boas noticias sao, se voce der perdao, em abundancia de perdao sera' dada de retorno a voce. Se voce semear amor, voce recebera' uma colheita que inunda.

Este e' um principio fundamental no REINO DE DEUS. E' a verdade que eu tenho escutado chamarem a lei da reciprocidade. Mas aproximada a um caminho balancado e' muito mais um problema do coracao.

O problema basico que tenho com a maioria do ensino, escutei em Lucas 6:38 e' o material ganho que e' representado como motivo de ofertar.

Como voce acha que DEUS se sente quando ve o pregador levantar-se e dizer,"Vamos la'!De ao SENHOR, e voce recebera' mais de volta! Isto e' um optimo negocio!" ??

Tal como eu ja apontei, e' verdade que voce nao pode dar DEUS para fora. O principio da reciprocidade aplica-se para o dinheiro por inteiro tal como ao julgamento e perdao. Mas nao existe nada na escritura que diz que devemos fazer ganho pessoal para motivo de nossa oferta.

Como DEUS devera' sentir-se quando seu povo somente fica radiante sobre ofertar ao seu REINO quando os mesmos são chicoteados num furor por enriquecer promessas rápidas? Voce pensa que DEUS alguma vez disse, " Rapaz, se somente meu povo pudesse alcancar a visao de ter mais coisas" ???

DEUS nao nos quer a alcancar a visao de receber ELE quer que tenhamos a visao de ofertar.

Sim, tal como fazemos, receberemos muito mais em retorno e DEUS nao esta' contra no's por temos boas coisas. Pelo contrario, ELE ama ver seu povo abencoado, mas motivos e' simplesmente tudo!

Tal como Proverbios 16 diz:

"Podemos pretender provar que temos razao. Mas DEUS convencer-se-'a disso?" (Proverbios 16:2)

E Tiago directamente confronta a situacao:

"Ou entao quando pedem, nada recebem porque fazem-no com ma's intencoes, pedem com o fim de satisfazer os vossos apetites." (Tiago4:3)

Quando se pede favores a DEUS e operando em linha com os principios do seu REINO o que importa e' um coracao motivado.

O Quadro Maior

No's descobrimos que se regressarmos alguns versos em Lucas 6:38, comecamos a ver as mensagens numa luz diferente. Bem, conseguimos mais contexto e perspectiva se voltarmos ainda mais um pouco. Comecemos pelo verso 30:

"Deem o que tem a quem vo-lo pedir; e quando vos levarem as vossas coisas, nao se preocupem se as tornam a entregar ou nao. Tratem os outros como querem que os outros vos tratem. Pensam que merecem elogios so' por amarem os que vos amam? Isso ate' os maus fazem! E se fizerem bem somente ao que vo-lo fazem, tambem sera' isso coisa tao extraordinaria? Ate' os pecadores procedem assim. E se emprestarem dinheiro so' a quem vos puder pagar a divida, que bondade ha' nisso? Ate' os mais perversos emprestam aos da sua especie para depois terem tudo de volta. Amem os vossos inimigos! Tratem-nos bem! Emprestem-lhes! E nao se preocupem por eles vos pagarem, porque, assim a recompensa que receberem do ceu sera' muito grande e estarao a proceder verdadeiramente como filhos do ALTISSIMO; Porque ele e' bondoso tambem com os ingratos e com os perversos." (Lucas 6:30-35)

Agora temos o melhor contexto do familiar, " Se derem, receberao!"(V.38) Nao por coincidencia, esta passagem comeca com as palavras " Deem o que tem a quem vo-lo pedir;"(V.30)

Ambos versos, comecam com a palavra "DAR" e pode nos ajudar a alcancar a revelacao de ofertar.

Tal como eu ja tinha sugerido, o que preocupa-me na forma das pessoas pregarem Lucas 6:38 e' como e' apresentado o material tal como motivo para ofertar em vez de propriamente a atitude da oferta.

A mensagem de JESUS e' "Ofertar, Dar!!" Ofertar aqueles que vo-lo pedem. Oferte aqueles que nao poderao pagar de volta. Ofertar amor a quem nao merece. Ofertar misericordia aqueles que vo-lo tomam por errado. Ofertar o tipo de tratamento que voce gostaria de receber dos outros. Oferte, oferte, oferte!!

E, quando o fizer, o PAI DOS CEUS ira' fazer questao que voce receba muito mais em retorno.

Voce consegue ver o sutil mas tambem a importante distincao no emphase? Quando voce oferta com o olhar do mundo a pensar que voce abandona as coisas, voce esta' a seguir o exemplo de DEUS. ELE e' bondoso com os ingratos e perversos.(V.35)

Isto fui eu e voce a um tempo.

DEUS estendeu uma final bondade quando enviou seu FILHO quando eramos ingratos e perversos. DEUS e' ofertante e sim, e' verdade quando ELE oferta, DEUS ira' nos ofertar de volta, mas esse nao devera' ser o nosso motivo para ofertar. No's devemos ofertar com imensa alegria em imitar o nosso maravilhoso PAI.

E' sobre nossos coracoes que DEUS esta' preocupado e um coracao propriamente focalizado e' mais radiante na parte de ofertar do que na parte de receber.

Noutras palavras DEUS diz, "Quando voce oferta somente oferte, eu irei premia'-lo atraves de ofertas de maiores medidas."

O premio vem porque no's deixamos DEUS fazer um trabalho em nossos coracoes na area de ofertar e nao na area de receber.

Aqui esta' uma olhada no Antigo Testamento sobre esta verdade em Deuteronomios 15, e DEUS diz:

" Se quando chegarem 'a terra que o SENHOR vos da' houver pobres no vosso meio, nao lhes fechem o vosso coracao nem a vossa mao, voltando-lhe as costas; Deverao emprestar-lhes o quanto necessitarem. Mas cuidado! Nao venham recusar esse auxilio so' pelo facto de se estar aproximando o ano da remissao! Se o recusarem e o necessitado clamar ao SENHOR, o vosso acto sera' considerado como um pecado. Deverao emprestar-lhe o que ele precisar e sem chorar essa vossa decisao. Porque o SENHOR vira' a fazer-vos prosperar em resultado disso que fizeram. E visto que nunca deixara' de haver uns mais necessitados do que os outros entre voces, por isso este mandamento e' necessario. Deverao emprestar-lhes liberalmente. Quando um vosso irmao ou irma tiver de se vender a voces, deverao deixa'-lo livre ao fim do sexto ano de servico na vossa depedencia, e nem devem deixa'-lo partir de maos vazias. Deem-lhe um bom presente de despedida, tomado dos vossos rebanhos ou dos vossos lagares de azeite ou de vinho. Partilhem com ele na proporcao em que o SENHOR vos tiver abencoado. Lembrem-se de que tambem foram escravos na terra do egipto e que o SENHOR vos salvou de la'. E' por isso que vos dou esta lei." (Deuteronomio 15:7-15)

Aqui esta' uma clara visao do coracao de DEUS por ajudar as pessoas. E' tambem mais evidente que DEUS olha 'a atitude do coracao de quem oferta.

ELE disse aos israelitas para que nao deixem seus coracoes "serem lamentados" (V.10) quando ofertarem, e em retorno DEUS AMA quem da' com alegria.(2 Corintios 9:7) Nao e' dificil entender o porque disto.

Voce nao e' orgulhoso das suas criancas quando nao sao egoistas? Voce sera' abencoado quando os trata para que sejam pessoas generosas? No's somos gratos quando as nossas criancas ajudam e preferem outro atraves do amor. E o que e' verdade para no's como pais terrenos e' a infinita verdade para DEUS.

Mais 'a frente, quando crescemos em alegria, doadores dipostos, no's tornamos-nos mais e mais como o nosso PAI DOS CEUS.

DEUS esta' a tentar trabalhar em no's.

ELE quer purificar nossos coracoes.

Mas tal como a passagem anterior transmite-nos que existe certas coisas em no's mesmos que temos que confrontar se viermos a ser verdadeiros e puros ofertantes de coracao.

DEUS VIVE E NAO MUDA!!

Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

A Armadilha De Comparacao Com Guia De Estudo Incluido CAP. V - QUEBRANDO O ESPIRITO DE MAMMON

A Armadilha De Comparacao
CAP. V - QUEBRANDO O ESPIRITO DE MAMMON
Orgulho faz-nos comparar no's mesmos com os outros.
Pobreza faz-nos comparar os outros com no's mesmos.
Quando alguem pula por tras de voce com um carro mais barato,o orgulho diz " O meu e' melhor!"
Quando alguem pula por tras de voce com um carro mais caro, a pobreza diz " Que desperdicio!"
Orgulho e pobreza, sempre teem uma coisa em comum, fazem-nos comparar a no's mesmos com os outros!
Em contraste, a pessoa com um coracao de gratitude compara-se a ele mesmo com DEUS, e diz, "Obrigado!"
Porque? Porque quando eu comparo o que eu tenho feito para DEUS (do qual e' nada) com o que DEUS tem feito por mim (do qual e' tudo), meu coracao naturalmente flua de gratitude.
Nao caia na armadilha de comparacao. O orgulho diz " Eu ganhei-a!"
A pobreza diz," Eu nao devia te-la."
Gratitude diz," Eu recebi-a atraves da graca do SENHOR."
Tal como vimos, a chave para resistir aos espiritos de mammon, pobreza, orgulho e' lembrar. Devemos lembrar que no's eramos escravos do pecado, o trabalho que DEUS tem feito por no's atraves da graca e da qual no's temos trabalhado arduamente, tem sido as bencaos de DEUS nas nossas vidas que teem produzido coisas boas.
Esta foi a mensagem que DEUS deu aos Israelitas antes de entrarem na terra da promessa:
"Lembrem-se que foi o SENHOR vosso DEUS que vos deu a possibilidade de enriquecerem, e que se o fez foi para cumprir a promessa que fizera aos vossos antepassados." (Deuteronomio 8:18)
Consoante voce foi lendo este capitulo , voce discernou sinais de mammon, orgulho ou pobreza na sua vida e talvez voce agora queira orar uma oracao como esta:
Querido DEUS, por favor me perdoe por vir a ser egoista, orgulhoso e invejoso. Por favor me perdoe por escutar os espiritos nao-sagrados mammon, orgulho e pobreza. SENHOR peco-te que quebres eles de mim, da minha familia e de meus descendentes.
E ajude-me, a partir de hoje adiante a ser generoso, um ofertador extravagante ao Reino de DEUS. Em nome de JESUS. AMEN.
GUIA DE ESTUDO PARA CAP. V - QUEBRANDO ESPIRITO DE MAMMON
Tecla de escritura: Deuteronomios 8:18; Mateus 6:24

Pontos a ponderar:

  • O espirito de mammon diz, " Voce nao precisa de DEUS. Acredite nas riquezas."
  • Egoismo, inveja, avareza sao manifestacoes do espirito de mammon.
  • Espirito liderado da'-nos simultaneamente diminuicao no reino de satanas e faz-nos mais como o nosso Pai dos ceus.
  • Ofertar nao e' uma forma de enriquecer rapido; e' lancar um desafio de vida a si mesmo.
  • O espirito do orgulho diz," Riqueza vem de trabalho arduo." O espirito da pobreza diz, " Riqueza vem do diabo."

Alimento para pensar:

  1. Mammon diz-nos que o dinheiro e' resposta (solucao) para todos os nossos problemas. Por vezes falamos sobre " deitar dinheiro fora" para um problema que indica que o dinheiro pode ser a solucao mais facil mas nao a melhor. Consegue pensar numa situacao ou mais que uma, em que tinha mais dinheiro disponivel e levou-o a resultados que o desapontaram imenso?
  2. Que aspectos sobre o dinheiro o faz sentir medo? Pensar em aposentadoria faz-lhe sentir ansioso? Voce evita ver o balanco do seu livro de cheques ou conta bancaria? Que comportamentos voce tem que mostram que voce esta' com medo do dinheiro?
  3. Eu digo que tornar-se ofertador ira' resultar em bencaos. Voce continuaria a dizimar e a ofertar mesmo que seu unico premio fosse a Salvacao atraves de JESUS CRISTO? Leia Hebreus 11:13 e considere como sera' aplicado.
  4. Neste capitulo, eu dei varios avisos de sinais que estamos a olhar ao homem antes de olhar a DEUS como nossa procura de provisao. Partilhe a sua reacao nas seguintes situacoes:
  • Tem sido um mes fraco financeiramente, e para acrescentar seu carro precisa de um arranjo de alto valor.
  • Voce tem trabalhado arduamente nos ultimos seis meses na expectativa de ganhar um bonus do seu patrao. Uma vira volta na economia faz com que seja impossivel ao seu patrao ofertar-lhe esse bonus.
  • Voce tem sido generoso com a sua Igreja, e tambem tem cuidadosamente retirado dinheiro para sua aposentadoria comprando coisas na sua companhia. Voce aprendeu atraves de um jornal que a producao do seu fundo de aposentadoria resultou em perder mais do que a metade do valor.

Quando estas situacoes financeiras ocorrem, como podemos olhar a DEUS antes de olhar ao homem para provisao?

DEUS e'amor, luz e a solucao para tudo.

Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos

Auto - Avaliacao CAP. V - QUEBRANDO O ESPIRITO DE MAMMON

Auto - Avaliacao
CAP. V - QUEBRANDO O ESPIRITO DE MAMMON
Com podera' voce saber onde esta o seu coracao? Primeiro, pergunte a si mesmo estas questoes :
  • Eu olho a DEUS ou olho para as pessoas para alcancar minhas necessidades?
  • Fico zangado ou ressentido com as pessoas que nao querem ajudar-me quando eu quero que o facam?
  • Critico outros devido 'as minhas circunstancias?

Estes sao alguns indicadores do olhar ao homem em vez a DEUS como nossa procura de provisao. Quando as pessoas olham para o homem em vez a DEUS para encontrar as suas necessidades, eles estao completamente disapontados. E ai tornam-se amargos.

No's temos que desligar a presenca do espirito do orgulho e da pobreza das nossas vidas. E' vital para nossa vida espiritual e efectividade no REINO de DEUS para que esses espiritos sejam substituidos por um coracao grato.

Aqui estao alguns testes que o ajudarao a encontrar a diferenca

Quando voce pensa na situacao da vida.....

Orgulho diz: " Eu mereco mais! "

Pobreza diz: " Eu deveria sentir-me culpado."

Gratidao diz: " Obrigada!" ( Gratidao e' uma atitude de agradecimento que sempre nos da' o entendimento da provisao de DEUS.)

Quando alguem diz, "Uao voce tem uma casa muito boa!"

Orgulho diz: " No's vamos construir uma maior."

Pobreza diz: " Foi atraves de Hipoteca."

Gratidao diz: " Obrigada. DEUS nos abencou!"

Quando alguem diz, " Roupa bonita!"

Orgulho diz: " Feito por costureiro."

Pobreza diz: " Foi metade do preco."

Gratidao diz: " Obrigado!"

Quando alguem diz, " Uao, que Carro bonito!"

Orgulho diz: "Eu tenho tres como este!"

Pobreza diz: " E' da companhia."

Gratidao diz: " Obrigada!"

Orgulho quer que as pessoas pensem que pagamos mais. Pobreza quer que pensem que pagamos menos. Gratidao nao quer saber o que as pessoas pensam; somente preocupa-se com o que DEUS pensa!

Que tal se disser somente a verdade? Quando alguem elogia'-lo com alguma coisa, diga somente a verdade e seja grato.

DEUS e' amor.

Abraco, Yola Tatiana Veiga Bastos